Couscous com camarão em 5 minutos

Sabe aquelas refeições deliciosas que ficam prontas em pouco mais de cinco minutos?
Com o Couscous Taboulé Salada da TIPIAK, basta adicionar água a ferver e deixar repousar. Depois, é só juntar a sua guarnição preferida, ou servir como acompanhamento de pratos de peixe, carne ou até vegetarianos. O couscous já vem temperado e tem um sabor fresco a menta, que combina na perfeição com esta época do ano
Mas veja como se faz

Ler mais
Anúncios

Salada de primavera

A primavera insiste em apresentar-se envergonhada, e não há forma de poder desfrutar dos dias longos e solarengos.
Mas como nem só em dias solarengos gosto de me saciar com uma salda completa que inclua folhas, ovo, queijo fresco, sementes…, venho partilhar convosco esta sugestão, fresca, equilibrada, colorida e saborosa:

Ler mais

Espetadas de frango e uma mesa bohemia

Os amigos são, para mim, como as especiarias:
Umas mais picantes, outras mais adocicadas, outras mais exóticas… mas todas indispensáveis para dar aquele toque especial aos nossos pratos/vida. E como a vida só faz sentido se for picante q.b, nada como juntá-los à mesa, abrir umas cervejas e desfrutar, agradecer aqueles momentos de diversão, as birras, as saudades, as partidas e os regressos.

Ler mais

Noodles com ovo | e o prazer da massa caseira

 É cada vez mais frequente cá em casa consumir massa fresca. O nome é capaz de assustar um bocado, porque a associamos a um processo laborioso e demorado; mas desenganem-se, conseguem preparar e confeccionar a vossa própria massa em menos de meia hora, como já vos falei nestas receitas.As principais vantagens de consumir massa fresca feita em casa são múltiplas, mas posso referir o sabor, a textura, a rapidez de cocção e o maravilhoso facto de lhe podermos adicionar os nossos ingredientes preferidos: podemos fazer massa de espinafre, de tomate, de especiarias, ou até sem glúten! Depois de feita, podem utilizar de seguida a massa fresca ou, então, conservá-la durante 2 dias no frigorífico, ou várias semanas no congelador, sempre guardada em recipientes ou sacos com fecho hermético. Caso pretendam, podem ainda deixar a massa secar (para cozinhar demorará mais alguns minutos do que no caso da fresca).A massa pode ser estendida à mão, com a ajuda de um rolo de cozinha ou com a ajuda das maravilhosas máquinas de fazer massa, que não a fazem mas estendem, e podem ser reguladas em função da espessura e corte que queremos dar à massa, desde placas de lasanha, fettucine, tagliattelle, noodles, esparguete, raviolis…

Ler mais

Frango à Parmegiana

Este é daqueles pratos que faço quando surge um jantar de última hora.
Deixo-vos uma dica: preparem-no em conjunto com os vossos convidados, eles irão agradecer que lhes ensine a preparar um jantar tão rápido e delicioso!

Ler mais

Tortilha de batata à minha maneira

Com ou sem cebola, com batata frita ou cozida, são apenas alguns dilemas que levantam as centenas de receitas de tortilha de batata. Esta, como bem digo no título, é à minha maneira! E acreditem que fica bem deliciosa acompanhada com uma baguette acabada de sair do forno, mas essa receita fica para outro dia 😉

Ler mais

Arroz de legumes no forno | vegan

Às vezes apetecem-me pratos assim, rápidos, rústicos e reconfortantes.
Esta é mais uma sugestão vegan porque, como vos comentei noutras ocasiões, cada vez mais a proteína animal é excluída da minha dieta.

Ler mais